sábado, 8 de dezembro de 2012

O parto do pai!

Depois de ser coadjuvantepor nove meses, o homem finalmente tem um momento seu. O parto cesariano pode ser mais confortável para a mulher no momento do nascimento, mas a deixa alienada de todo o processo.
Então é o homem que assiste aos médicos encaixarem o bebê na melhor posição; fazer os cortes na barriga e puxar – na cena mais impactante da minha vida – minha bebê de dentro da mãe. Rapidamente sou levado à outra parte da sala para assistir a pediatra fazer os primeiros procedimentos de limpeza e observação pra ver se a minha filha estava bem. Uma alegria ver aquela bebê enorme e saber que é minha!

Em seguida, EU a levo para a sala de cuidados em um pequeno carrinho, observo as primeiras medidas e pesagens e, finalmente, EU a coloco nos braços para mostras aos familiares e amigos que observavam tudo através de um vidro. Tudo isso em pouco mais de trinta minutos. Pronto! 
Para o homem, que agora pode assistir a tudo, fica uma sensação insuperável de tão emocionante. Aquele 7 de novembro de 2012 passou a ser o dia mais inesquecível da minha existência. Foi o dia que minha primeira e única filha chegou ao mundo.

A filha sai da mãe para os braços do pai! 

Eu que era (e sou) contra o parto cesariano, até que gostei da emoção de ver tudo aquilo. 
O parto é na mãe, mas os melhores momentos são do pai!!! 


4 comentários:

  1. Sua vida ganhou luz, a partir desse momento tudo que você pensar pensará primeiro nela! Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Lindo, lindo... Muita saúde para vocês!

    ResponderExcluir

Pode ler também

Related Posts with Thumbnails